quinta-feira, 31 de julho de 2008

Matutando pra sorrir

E o dia está raiando...
Lá onde o sol brilha, os passarinhos cantam e embalam o dia.
Do outro lado, pessoas cansadas despertam suas rotinas através das buzinas, das máquinas, do cinza.
Eu amanheci na certeza de meus pensamentos, perdida em meio a tanto concreto, a tanto barulho, a tanta falta de SER. Saí buscando um tiquinho de mato; em cheirinho de terra, uma poesia pra acalmar. Saí por ai... MATUTANDO.
Eis que vejo, além do ponto egoísta abaixo do nariz, gente iluminada que também buscava e além do mais, oferecia: poesia, barro, flor, arte, amor.
E saímos por aí... Matutando.
Matutando pra comer, matutando pra vencer. Gente que pensa, que faz acontecer...
Que matuta... Pra viver!
Gente que cheira flor só por dançar, por cantar. Sorrir.

Eu matuto, Tu matutas, Ele matuta, Nós matutamos, Vós Matutais, Eles Matutam.

Saberás o que ‘Matutar’ vem te dizer, só se sentir e que se deixar tocar.
A gramática é vaga. Classificações morfossintáticas, meu bem, serão em vão.
Jogue pra cima o dicionário e entenda que a arte não é matemática: não é lógica nem previsível.
Feche o os olhos e a sinta. Matute com a gente. Não importa o que isso signifique pra você. Venha pra cá e sinta!
Toque no barro, ande descalço, mergulhe naquela cachoeira. Suba no alto daquela montanha logo ali e... Dance! Cante! Recite pra mim...
Só não se esqueça: Tu não serás, se não matutar.
Matutando meu corpo diz: ‘Eu sou mais feliz, assim’...

Simplicidade, Matuta.

Dedicando com muito amor ao nosso novo projeto de Arte: Trupe matutando.
Vontade!

Um comentário:

Milena disse...

É meu, é seu, é nosso...
Beleza em matutar ... e agir transcendendo o PENSAR ..
Penso e insisto;
Quanto mais penso mais existo...
Quanto mais "Matuto", mais eu sou.
Matuto sou eu de saia rodada e vontade de brincar ...
Matuto é quem tem ouvidos no olhar...
Matuto é quem vendo de fora, consegue olhar pra dentro... e ter coragem de acordar!!